Resenha: Brüno

Brüno_PosterQuando assisti Borat, em fevereiro de 2007, perdi o fôlego de tanto rir. Com Brüno, dei “apenas” boas gargalhadas.

Sacha Baron Cohen até se esforçou (e muito!) para fazer um filme superior, mas o resultado ficou aquém do esperado. Por mais que os dois filmes sejam praticamente idênticos em termos de estrutura narrativa, Brüno sofre do efeito déjà vu e desperdiça a chance de contar uma história bacana embalada por situações escatológicas, ao simplesmente trazer situações escatológicas.

Afinal, o repórter cazaquistanês tinha um “objetivo maior de vida”: buscar não só o aprendizado e intercâmbio cultural, como um grande par de tetas amor. Enquanto o repórter de moda, no alto dos seus inocentes 19 anos, vive em conflito com a profissão e, por falta de argumento, chega até a questionar sua orientação sexual (e, pra isso,  faz entrevistas hilárias).

Não que alguém devesse esperar um roteiro super elaborado ou uma história emocionante. Não. Mas ao final da projeção, fica a sensação de que a piada pela piada não basta.

Uma pena, já que Sacha Baron Cohen não poupa atitudes bizarras e linguajar obsceno para nos fazer rir (desta vez, não citarei cenas ou sequências, para não estragar a graça). E, questione ou discorde, mas o cara é um dos melhores atores da atualidade; é impressionante como ele encarna o personagem e consegue ser cara-de-pau nas mais constrangedoras situações. Assim como em Borat, perdi a conta de quantas vezes sussurrei para mim mesmo, com vergonha alheia: “Nossa!”, “Não, ele não vai fazer isso”, “Meu Deus, ele fez!”.

Tinha grandes expectativas com Brüno, mas acabei me decepcionando com o filme. Apesar de trazer momentos engraçadíssimos (mesmo!), a nova comédia de Sacha Baron Cohen peca por repetir a fórmula usada de maneira brilhante em Borat e por não conferir ao personagem um objetivo mais ambicioso e envolvente.

Ich poderia ser melhor. =p

Nota: 6,5

5 comentários

  1. Cara não sei se ja falei antes, mas o Sacha ainda não me convenceu… Nada me fez querer ver Borat, e muito menos Bruno… rs

    Um dia pode ser que eu mude de opinião.
    Mas por enquanto…

    1. Leo, pode assistir “Borat” sem medo. Vale muito a pena. É muito engraçado e o formato semi-documental é bem interessante. “Brüno” tem seus momentos, mas não vale o ingresso. Assista quando chegar à Netmovies.

      AmoresProibidos (aliás, qual seu verdadeiro nome?), “Se Beber, Não Case!” é a melhor comédia do ano, sem dúvidas. A “crítica” que você me passou não tem fundamento algum e é cheia de preconceitos (e que ironia, já que está num blog que deveria ser tudo, menos preconceituoso). Enfim, assista, divirta-se e tire suas conclusões.

      Eu recomendo muitíssimo. =D

      Abraços!

  2. Eu sou amores proibidos… rs… é porque as vezes tô logado como amores proibidos e fico com preguiça de deslogar… Eu vou assistir ‘se beber, não case’…

    Gosto de você pq sabe se defender… rs…

    Cê sabe que sigo seus conselhos… rs…

    Mas um amigo me indicou bruno…
    Ele disse que é escroto e que não é pra qualquer um…
    Mas que posso me divertir com as escrotisses do Sacha, que tá pintosérrima!
    hahaahhahahahaahhhahaahaa…

    1. Ah, Rafael.. então tu é o Amores Proibidos.. hehehe. Agora, sim. Mais fácil. Sei com quem estou falando. rs

      Fico feliz em saber que segue meus conselhos. Obrigado. Apesar disso, é sempre bom a gente tirar nossas conclusões sobre tudo. Então, mesmo quando eu falar que um filme é ruim, assista. Lembra do caso do “Matadores de Velhinhas” que comentei no blog, né?! Então…

      Cara, é impossível não se divertir com “Brüno”. O filme é ruim, mas MUITO engraçado.
      Vai fundo no Sacha… ops.. não muito fundo. hehehe

      Abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s