O Cinema na Publicidade

Pra mim, a semana que passou, deveria entrar para a história da publicidade (e do cinema, por que não?!)

Afinal, uma semana em que temos dois filmes publicitários fudidos dirigidos por dois cineastas mais fudidos ainda, não é qualquer semana.

O primeiro filme veio na segunda-feira e simplesmente arrancou o ar dos meus pulmões.

Criado pelo mestre David Lynch e estrelado pela belíssima – e minha mais nova musa – Marion Cotillard, o curta de 16 min da Dior é uma obra-prima. Isso porque o diretor conseguiu criar um filme com uma puta atitude fashion, sem abrir mão da sua personalidade.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

O vídeo da Dior foi tirado do ar. Uma pena.

Já o segundo filme caiu na rede quinta-feira e é comandado por ninguém menos que Alejandro González Iñárritu (Amores Brutos, 21 Gramas e Babel).

É impossível não ficar hipnotizado pelo espetáculo visual criado por Iñárritu (que também tem um belo roteiro). O cara é fera em criar histórias paralelas, não à toa que a Nike o convidou para fazer isso:

Não é de hoje que grandes cineastas dirigem filmes para grandes marcas. Mas, sinceramente, fazia tempo que não via duas obras tão consistentes e emocionantes assim.

6 comentários

  1. se todos os comerciais de tv fossem feitos por diretores de cinema…
    eu fiquei imaginando como seria um comercial da coca-cola pelas mãos do Wes Anderson.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s